10 de jan de 2013

Ela tem cerca de 500 orgasmos por dia e diz que isso esta longe do prazer


A inglesa Zara Richardson sofre de Síndrome de Excitação Sexual Persistente.
Ela com 30 anos, afirma que ter diversos orgasmos todos os dias, em torno de 500 orgasmos e que isso esta longe de ser o paraíso.

Em entrevista ao website " The Sun" Zara contou como é sua vida com essa síndrome.




As pessoas acham que eu devo estar entrar em êxtase todo dia, mas ter orgasmos constantemente é o contrário, isso verdadeiramente está arruinando a minha vida.


Não tem hora ou local pra um orgasmo acontecer é um modo exaustivo de se viver.
Muitas vezes acontece quando eu subo as escadas, estou no carro, no supermercado ou loja empurrando um carrinho de compras, passando por portas giratórias, até mesmo quando alguém se senta ao meu lado no sofá e sempre ocorre quando se meu celular vibrar no meu bolso. O pior foi em entrevistas de emprego.


  E é assim o dia inteiro, a semana inteira.
Acordo me sentindo excitada e volto para a cama me sentindo da mesma forma.
Viagens de trem são um pesadelo, pois o movimento pode desencadear um ataque.


Sendo sincera isso ja atrapalhou minha vida profissional, não tenho mais relações sexuais e esse tipo de vida, os ataques não são prazeroso me assustam na verdade porque não sei que horas, quando ou onde terei o próximo.
Isso me levou a depressão.


Fui diagnosticada em 2010, depois de me sentir constantemente excitada. No inicio tentava me distrair fazendo exercícios, tomando banhos quentes, assistindo a um filme deprimente, mas a sensação continuou. Depois de 2 meses de sofrimento em silêncio, eu sabia que o que estava sentindo não era normal.
Quando procurei um médico e expliquei os sintomas, achamos mais tarde uma alteração hormonal com exames. Eu estava tendo uma base de 500 orgasmos por dia.
O médico receitou leves antidepressivos, analgésicos e anti-inflamatórios para os dias de crise de Zara. Eu também faço compressas frias para parar os orgasmos, o frio faz com que eles cessem ou uma crise nem ocorra.




Fonte

Nenhum comentário:

Pesquise