3 de set de 2013

Ortorexia, a obsessão doentia por alimentos saudáveis




A ortorexia é um transtorno alimentar que surge quando a pessoa passa a ser excessivamente preocupada com o que come. Adotando assim hábitos alimentares meio extremistas.

Por exemplo só comer coisas que são "saudáveis"deixar de lado qualquer tipo de comida que não seja vegetais, cereais, frutas, e quando se come carne somente aquelas bem magrinhas, e na classe ainda de cereais somente o arroz integral.

A maioria das pessoas que sofrem com o distúrbio da ortorexia, se recusa à comer na casa de amigos e parentes por não saberem o que será servido e como foi preparado.

Assim como quem sofre de anorexia, os ortoréxicos quando as vezes que obrigatoriamente acabam comendo algo que não seja saudável na mente deles, o sentimento de culpa é gigantesco, e pelo erro de ter comido algo "errado" as próximas refeições tendem a ser mais restritas.

Endocrinologistas e nutricionistas acreditam que a ortorexia possa ser um desdobramento da anorexia.
Por outro lado, há médicos que apontam haver diferenças importantes entre a anorexia e a ortorexia: enquanto na anorexia o problema está na quantidade de comida ingerida, na ortorexia a questão é a preocupação com tipo de alimento à ser escolhido.


Eu tive anorexia, o que me levou a pesar 30 kilos tendo 1,62 de altura.
Na minha fase pós-anorexia eu realmente era bem seletiva em questão de comer isso ou aquilo, a minha dieta era baseada em soja, carne magra, verduras, legumes e alguma fruta, do contrário dos ortoréxicos eu preferia comer macarrão ao invés do arroz, isso porque o macarrão contém menos calorias.
Pensando bem tive uma fase de ortorexia também... só que menos rígida.
Sofri com ambos transtornos desde o inicio de 2006 até final de 2008.

E hoje seriamente pelo que sofri, quem tem algum complexo com o corpo procure fazer uma dieta balanceada até alcançar o peso ideal e pare por aí!!!!!!!! Não vale à pena perder a saúde somente pela maldita ditadura da beleza e por meia dúzia de idiotas que talvez possam criticar sua aparência.

Nenhum comentário:

Pesquise